Processo de Desligamento de Funcionários: Checklist Essencial para uma Transição Suave

18 min de leitura
Ariane Jaeger
15 de dezembro de 2023
Última atualização: 15 de dezembro de 2023
Processo de Desligamento de Funcionários: Checklist Essencial para uma Transição Suave

A maioria das empresas brasileiras se concentra tanto no processo de recrutamento de novos talentos que acaba se esquecendo do quanto é importante ter uma boa gestão da saída dos funcionários. Além de levarem consigo uma porcentagem de conhecimento relevante, os profissionais que deixam a companhia podem impactar até a visão de mercado acerca de sua organização.

Neste artigo, aprenda o passo a passo para vislumbrar um processo de desligamento de funcionários mais fluido. Inclusive, veja como ele pode ser aproveitado para otimizar outros aspectos intrínsecos e colaborar para o sucesso do seu negócio como um todo.

Checklist para o desligamento de funcionários - Passo a passo

Tanto o processo de integração quanto o desligamento de funcionários exige esforços dos líderes de equipe e do time de recursos humanos. De fato, a etapa de offboarding é particularmente desafiadora, visto que as empresas investem significativamente na retenção de talentos, tornando a despedida deles um processo difícil. No entanto, por fazer parte de todo o fluxo do negócio, é preciso estudá-la e pensar em melhores práticas.

Por sorte, há diversas condutas capazes de levar à redução de desperdícios no processo de desligamento, fazendo a sua equipe de RH pensar em uma abordagem mais positiva quando for preciso processar um pedido ou optar por uma saída. Com o checklist, os gerentes de equipe e o recursos humanos saberão exatamente por onde começar e como terminar.

1. Entenda a importância de administrar o processo de offboarding

Muito mais do que um afazer a cumprir na lista de tarefas do pessoal do RH, o offboarding é uma etapa importantíssima no ciclo de vida do colaborador e precisa ser comandada com a cautela necessária. Além de nutrir bons relacionamentos, mesmo com o término de um vínculo empregatício, tal processo tem o potencial de agregar pontos para o seu reconhecimento como um bom empregador, conservar informações institucionais e até mitigar os riscos envolvidos com a segurança de dados (uma preocupação relevante atualmente).

Portanto, depois de ter ciência do quão fundamental é zelá-lo, prepare-se para o processo de desligamento de funcionários adequadamente. Saiba que tudo pode variar dependendo das abordagens corporativas particulares, mas que, provavelmente, o seu checklist irá envolver boa parte das condutas mencionadas a seguir.

  

Grátis. Ilimitado. On-line.   

  

O Bitrix24 é o software de RH gratuito ideal para gerenciar seus colaboradores.   

   EXPERIMENTE AGORA   

2. Notifique corretamente e tenha uma comunicação aberta com o seu funcionário

Uma das primeiras etapas do seu processo de offboarding, inclusa até como obrigação legal, está em notificar e se comunicar com o colaborador que será desligado. Ou, no caso do talento, informar a decisão para a empresa. Tal ponto pode ser abordado de duas maneiras principais: através da notificação formal de desligamento (escrita e detalhada, caso a decisão tenha partido do empregador) ou de uma carta de demissão formal (uma vez que tenha sido o colaborador quem decidiu deixar o local). Em todo caso, ambos os documentos devem ser redigidos e entregues pessoalmente, garantindo o respeito mútuo e cumprindo com os requisitos legais de formalidade durante os processos de desligamento no Brasil – com toda a clareza necessária para as suas etapas.

Além disso, como líder direto, tenha uma conversa franca e respeitosa para entender ou expor os motivos pelos quais ele está saindo da empresa e poder sanar quaisquer preocupações – ou resolver problemáticas – que ele possa ter. Ao mesmo tempo, compartilhe o feedback geral e identifique áreas de melhoria em seus próprios processos internos. Afinal, muitas vezes, os talentos podem estar deixando a sua empresa por questões envolvidas com o seu microambiente – e isso precisa ser rastreado.

Processo de Desligamento de Funcionários: Checklist Essencial para uma Transição Suave


Prontifique-se a ouvi-lo, compreendendo mais sobre a sua perspectiva, e mostre que se importa com a sua opinião e sentimentos. As estratégias eficazes de desligamento sempre envolvem uma boa comunicação. Por isso, jamais deixe de atuar com esta abordagem empática e empática, demonstrando respeito por todos os esforços prestados até o momento.

3. Garanta a devida transferência de funções e de documentos relacionados

De quais projetos este colaborador estava participando? Tem alguma programação vigente para a qual você precisará da sua substituição? No decorrer do processo de desligamento de funcionários, garanta a transferência das responsabilidades envolvendo este talento e também de documentos e outros elementos fundamentais para a empresa.

Informações sobre os clientes, fechamento de pedidos, listas de contatos, arquivos de projetos e modelos de treinamentos ou tarefas pessoais são só alguns exemplos do que pode estar envolvido com este cenário. Assim, toda a equipe pode se organizar adequadamente com a sua saída, levando à redução de desperdícios no processo de desligamento – tanto de tempo, retrabalho ou saúde mental, por exemplo.

Além do mais, lembre-se de que, se puder fazer toda essa transferência digitalmente, poderá levar à otimização do processo de desligamento de modo geral. Consequentemente, vale a pena buscar um software dedicado para apoiá-lo nesta e em outras etapas.

4. Controle os seus acessos e cuide das propriedades corporativas

Agora, em meio ao seu checklist de desligamento de funcionários, chegou o momento de revogar o acesso do funcionário aos ativos da empresa e recolher quaisquer equipamentos que tenham sido fornecidos a ele durante o tempo de trabalho. Isso vale para todos os documentos, redes, banco de dados compartilhado ou contas da empresa. Dependendo do caso, é até bem-vindo trocar as suas senhas, logo em seguida, agregando segurança extra.

No offboarding, para manter tudo seguro e organizado, não descuide de cada detalhe. Veja se havia cartões de crédito ativos junto ao colaborador e recolha-os. O mesmo vale para chaves, laptops ou demais instrumentos (como um kit escritório, comumente oferecido).

5. Gerencie a parte burocrática do processo de desligamento no RH

As melhores práticas de desligamento são aquelas feitas com o mínimo de cuidado. Por isso, haverá uma etapa em que será preciso se preocupar em processar os pagamentos finais, possíveis benefícios e garantir que os direitos do funcionário durante o desligamento sejam cumpridos.

Na hora de fechar as contas, peça para a equipe calcular cuidadosamente o salário a receber, as férias, o décimo terceiro (ao menos que parcialmente, se for o caso), os bônus e quaisquer outros benefícios que possam estar em pauta. Isso ajuda na própria otimização do processo de desligamento, prevenindo o retrabalho e a geração de estresse entre as partes envolvidas, advindas de possíveis erros.

Mantenha tudo documentado por meio de relatórios, recibos e as suas respectivas assinaturas a fim de manter o controle e se resguardar para o futuro. Garantir que tudo esteja em conformidade com a lei e as políticas da empresa, respeitando todo o direito do funcionário durante o desligamento, é a grande chave!

Gerencie a parte burocrática do processo de desligamento no RH


6. Transfira o conhecimento do colaborador que está deixando a sua empresa

A perda de capital intelectual costuma ser enorme no processo de desligamento de funcionários. Agora, imagine que um talento valioso está deixando a sua organização. Nada mais sábio a fazer do que transmitir o seu conhecimento, não é mesmo?

Assim, durante a gestão da saída de funcionários, garanta que pelo menos uma parte de todo esse know-how e expertise adquiridas permaneçam com a sua companhia, minimizando os efeitos negativos que o offboarding pode representar. O mais recomendado, neste caso, é documentar, o máximo possível, tal conhecimento e garantir o seu compartilhamento com demais membros do time – que ainda ficarão consigo. Na parte de documentação em si, instigue o funcionário que está indo embora a compartilhar as suas ideias, workflows e práticas recomendadas para o trabalho. O ideal é que isso seja feito em uma plataforma de compartilhamento de conhecimento, para já facilitar a próxima etapa de expansão aos colegas de trabalho.

Dependendo da flexibilidade, do relacionamento e de quanto tempo você tenha desde um aviso e o devido processo de desligamento de funcionários, deixar que este profissional treine ou mentore o seu possível substituto também é uma alternativa viável de ser explorada. Ainda, ao menos algumas conversas e trocas de ideias podem ser o suficiente para ir além de um simples documento com dicas, surtindo os feitos desejáveis.

7. Prepare e conduza a entrevista de desligamento

É claro que o checklist para o desligamento de funcionários precisaria considerar a etapa final de todo o processo: a entrevista de desligamento. É neste momento que o profissional do RH se senta com o colaborador em questão para, de fato, se despedir e reunir informações valiosas. Mesmo que o líder já tenha feito algo parecido.

Primeiramente, programe tal entrevista em tempo hábil. Certifique-se de conversar com este ex-colaborador assim que estiver saindo, para que toda a experiência esteja vívida em sua mente e, assim, o feedback seja mais fidedigno. Depois, ao longo do encontro, empregue habilidades de empatia e escuta ativa para ouvir, cautelosamente, o que este profissional tem a dizer.

entrevista de desligamento


Busque saber a sua história, como tudo se desenrolou e qual é a sua perspectiva sobre a saída da companhia. Incentivar as respostas honestas, buscando saber como foi a sua genuína experiência ao longo deste tempo na organização, é essencial. Lembre-se que, muito mais do que uma mera etapa do processo de desligamento de funcionários, tal reunião pode promover insights relevantes para o modus operandi como um todo, mostrando pontos de melhoria e o que pode ser considerado, de fato, pela sua empresa.

8. Analise o feedback após o processo de desligamento de funcionários

Parte da gestão da saída de funcionários é analítica. É preciso entrar em ação após a entrevista de desligamento do funcionário para transformar os feedbacks promovidos em mudanças efetivas e positivas. Para tal, analise com cuidado as informações compartilhadas, tente identificar padrões ou recorrências com outros desligamentos (ou mesmo reclamações) e pense em alternativas que possam agregar ao seu microambiente. Seja em processos trabalhistas, melhorias no ambiente de trabalho em si ou na política e cultura empresarial.

O interessante é que, se a equipe realizar o registro deste feedback digitalmente, com a ajuda de um programa dedicado, poderá, inclusive, gerar relatórios automatizados para uma análise mais rápida e inteligente de tais dados. Também se certifique de guardar todos os detalhes em um banco de dados relacionado com o seu RH para análises posteriores – é algo que pode fazer toda a diferença. Compartilhar tudo isso com o líder, claro, também irá ajudar.

Muito mais do que uma formalidade, usufruir do poder de tais entrevistas é o grande segredo. Use isso em prol da capacidade de moldar a experiência dos seus talentos e ter, inclusive, melhores práticas de desligamento no futuro.

O desligamento de funcionários pode ser mais fácil com o Bitrix24

Demitir um funcionário é sempre uma situação delicada e, muitas vezes, desagradável. Contudo, definitivamente, ela faz parte do ciclo das empresas. A boa notícia é que esta etapa pode fluir mais adequadamente, tanto em termos de organização, benfeitorias ou celeridade.

Com o software pensado para o RH do Bitrix24, facilite todo o seu processo de integração e desligamento de funcionários. Transfira as responsabilidades de projetos e gerencie todos os documentos com assertividade. Controle os acessos aos documentos digitalmente. Comunique-se com os profissionais. Compartilhe formulários e arquivos que precisam ser preenchidos ou assinados. Agende as entrevistas de desligamento e mantenha tudo registrado em um único lugar, mas de modo totalmente organizado.

Coloque em prática as estratégias eficazes de desligamento sem muitos esforços, mantendo o seu checklist atualizado e em pleno funcionamento. Experimente a assinatura gratuita do Bitrix24 hoje mesmo!

  

Grátis. Ilimitado. On-line.   

  

O Bitrix24 é o software de RH gratuito ideal para gerenciar seus colaboradores.   

   EXPERIMENTE AGORA   

Perguntas frequentes

Quais são as etapas do processo de desligamento de funcionários?

As etapas do processo de desligamento de funcionários são:

  • Preparar-se para o offboarding;
  • Notificar formalmente a empresa ou o funcionário;
  • Transferir funções e documentos;
  • Coletar as prioridades da empresa e restringir os acessos do empregado;
  • Garantir o cumprimento de todos os direitos legais;
  • Transferir o conhecimento deste profissional;
  • Preparar a entrevista de desligamento;
  • Trabalhar sobre o feedback para a melhoria interna.

Como efetuar o desligamento de um funcionário?

Para efetuar o desligamento de um funcionário:

  • Agende uma reunião e haja com empatia;
  • Jamais o demita de surpresa;
  • Justifique o desligamento;
  • Mantenha a clareza e a cordialidade;
  • Evite fazê-lo no final de semana;
  • Explique quais são as próximas etapas a serem seguidas.

Quanto tempo leva o desligamento de um funcionário?

O tempo que leva o desligamento de um funcionário é variável, mas costuma envolver um intervalo entre 2 e 4 semanas. Durante este processo, há várias etapas que precisam ser cumpridas além de cuidar com a parte burocrática em si. É por isso que é relevante ter um checklist para o desligamento de funcionários para guiar os líderes e o pessoal do RH.

Quem deve demitir: o chefe ou o RH?

A decisão sobre quem deve conduzir o processo de demissão, seja o chefe direto ou o departamento de Recursos Humanos (RH), varia de acordo com a política da empresa. Geralmente, o chefe direto comunica a decisão, enquanto o RH fornece o apoio logístico e legal, garantindo que o processo seja conduzido de forma ética e conforme a legislação.

Mais populares
10 dicas profissionais sobre como lidar com os colegas de trabalho difíceis
10 melhores softwares de contabilidade para pequenas empresas
Os 13 melhores criadores de sites para pequenas empresas em 2023
Coordenador de Projeto x Gerente de Projeto: Principais Diferenças
Automação de marketing – Entenda como fazer e por que é tão importante
Índice
Checklist para o desligamento de funcionários - Passo a passo 1. Entenda a importância de administrar o processo de offboarding 2. Notifique corretamente e tenha uma comunicação aberta com o seu funcionário 3. Garanta a devida transferência de funções e de documentos relacionados 4. Controle os seus acessos e cuide das propriedades corporativas 5. Gerencie a parte burocrática do processo de desligamento no RH 6. Transfira o conhecimento do colaborador que está deixando a sua empresa 7. Prepare e conduza a entrevista de desligamento 8. Analise o feedback após o processo de desligamento de funcionários O desligamento de funcionários pode ser mais fácil com o Bitrix24 Perguntas frequentes

Free. Unlimited. Online.

O Bitrix24 é um local onde todos podem se comunicar, colaborar em tarefas e projetos, gerenciar clientes e fazer muito mais.

Comece grátis
Você também pode gostar
9 dicas cruciais para reduzir a rotatividade de funcionários
9 dicas cruciais para reduzir a rotatividade de funcionários
18 min de leitura
As 10 Melhores Alternativas ao CRM da HubSpot para Pequenas Empresas
As 10 Melhores Alternativas ao CRM da HubSpot para Pequenas Empresas
17 min de leitura
10 dicas para criar um calendário de mídia social eficaz [Guia Completo]
10 dicas para criar um calendário de mídia social eficaz [Guia Completo]
16 min de leitura