Cadastrar

Os 8 tipos de personalidade mais importantes que todo gerente precisa ter em sua equipe

Os 8 tipos de personalidade mais importantes que todo gerente precisa ter em sua equipe
Equipe Bitrix24
13 de abril de 2022
Última atualização: 14 de abril de 2022

Atuar em equipe é um tanto quanto desafiador. Afinal, os gerentes se deparam com vários tipos de personalidade que afetam, diretamente, a dinâmica de trabalho. Para construir um time de alto desempenho, é essencial que o gestor trabalhe com diferentes tipos de personalidade e atue a partir dos pontos positivos e das características únicas de cada perfil profissional.

Ao longo deste artigo, citaremos os principais perfis de personalidade que merecem estar presentes no seu time, dando dicas para atingir uma melhor performance em equipe. Confiram já!


Perguntas frequentes


Qual é o conceito de personalidade?

A personalidade, junto ao senso moral e às crenças, é o que define as características únicas de cada ser humano. A personalidade interfere sobre como um indivíduo pensa, age e reage diante de cada situação cotidiana – incluindo o seu comportamento no ambiente de trabalho.

Quantos tipos de personalidade existem?

Segundo o indicador de Myers-Briggs (que envolve o teste MBTI), existem 16 principais tipos de personalidade, envolvendo os perfis:
1. Inovador;
2. Lógico;
3. Comandante;
4. Arquiteto;
5. Animador;
6. Aventureiro;
7. irtuoso;
8. Ativista;
9. Mediador;
10. Empreendedor;
11. Executivo;
12. Conselheiro;
13. Protagonista;
14. Inspetor;
15. Provedor;
16. Defensor.

Quais são os principais perfis de personalidade para se ter em uma equipe?

Os principais perfis de personalidade para se ter no seu time são:
- Comunicador;
- Especialista;
- Visionário;
- Criativo;
- Trabalhador;
- Pesquisador;
- Planejador;
- Líder.

Por que é importante ter vários tipos de personalidade em um time?

Quanto uma companhia tem diferentes tipos de personalidade em seu time, ela aproveita o melhor de cada uma delas e se torna mais efetiva e produtiva. As diferentes personalidades contribuem com distintas formas de enxergar as situações cotidianas e somam muito para as equipes e para a empresa em si.

Como posso influenciar positivamente o comportamento da equipe?

Todo líder ou gestor pode influenciar o comportamento da equipe de forma positiva da seguinte maneira:
· Respeitando as diferenças e os tipos de personalidade;
· Trabalhando com uma comunicação clara e eficiente;
· Promovendo feedbacks construtivos;
· Sendo visto como referência e mantendo a ética no ambiente de trabalho;
· Atuando com o engajamento nos projetos;
· Valorizando os seus colaboradores.


O que é personalidade?

A personalidade é definida como o conjunto de características marcantes em uma pessoa. Ela influencia, mesmo que indiretamente, a sua forma de pensar, agir e sentir. Determinando, assim, o seu comportamento e individualidade ao nível pessoal.

No dia a dia, é comum que as pessoas mostrem os seus traços de personalidade. Alguns deles serão mais interessantes ao nível profissional, enquanto outros atuarão de forma mais vantajosa na esfera pessoal. Mas ambos operam em conjunto e definem como aquele ser se comporta em sociedade.

Para as empresas, avaliar a personalidade de um candidato deve ser tão crucial quanto verificar se o novo funcionário tem as competências técnicas para o cargo. Afinal, a sua forma de agir e pensar deve se encaixar nos requisitos e nas funções que precisam ser desempenhadas.

No tópico seguinte, citamos alguns exemplos do por que é tão relevante levar em conta a personalidade dos seus trabalhadores. Veja já!

Por que é importante considerar as diferentes personalidades dentro de uma organização?

No ambiente organizacional, considerar as particularidades em termos de personalidade é mais importante do que se possa imaginar. Isso porque o perfil do colaborador interfere sobre:

· O seu estado de ânimo e motivação pessoais;

· A sua capacidade de se relacionar com o próximo, atuando em equipe;

· A facilidade com que ele maneja os conflitos;

· Os índices de produtividade, de cumprimento de prazos e de comprometimento com o trabalho;

· A habilidade de se dedicar em totalidade para o projeto ou o trabalho que lhe foi estipulado;

· Os tipos de funções que ele está mais direcionado a cumprir com propriedade.


Mais do que um sistema de gestão de projetos, um pacote de trabalho on-line completo

Uma única plataforma para administrar seus negócios 

EXPERIMENTE AGORA!


Os principais tipos de personalidade para se ter em uma equipe de trabalho

Toda e qualquer organização só funciona pela junção do esforço coletivo. E já que cada indivíduo é único, é preciso encontrar o equilíbrio entre os tipos de personalidade para ter uma equipe de sucesso e criar um time produtivo.

Assim, todos os gerentes precisam conhecer os perfis possíveis ao pensar sobre as personalidades no gerenciamento de equipe. Prontos para saber mais? Embora existam dezenas de tipos de personalidade, sobretudo seguindo a tipologia de Myers-Briggs (já bastante conhecida), citaremos oito dos mais importantes para avaliar e instigar em meio à rotina de trabalho. Confiram agora mesmo!

1. Comunicadora 

Iniciaremos o nosso artigo falando sobre eles: os sociáveis, descontraídos e já bem conhecidos comunicadores. Dentre os tipos de personalidade, os comunicadores possuem a inclinação natural para entrar em contato com os outros e até mostram facilidade em atuar com a persuasão e o direcionamento.  

As habilidades de uma pessoa comunicadora fazem toda a diferença no ambiente laboral. Principalmente porque o seu perfil extrovertido e falante se aplica tanto para interagir com os colegas de trabalho quanto para fechar mais negócios com os próprios clientes – estreitando os laços e aumentando o engajamento.

Portanto, se você desfrutar ao máximo do carisma, da facilidade de comunicação e do seu poder de persuasão, poderá ter ótimos resultados advindos deste perfil comportamental.

2. Especialista

Projetos bastante detalhados, como os da área de tecnologia, por exemplo, sempre requerem um comportamento de equipe especialista. O mesmo vale para os nichos mais técnicos e que ainda não são muito explorados. Mesmo que seja a partir de um funcionário único – em times menores.

O perfil de especialista é formado por aqueles profissionais experientes em sua área de projeto. Eles conhecem como ninguém a técnica e os pormenores envolvidos com a teoria e a prática daquele assunto. Por isso, dependendo do nicho de atuação, você precisará de um deles em sua equipe!

3. Visionária 

Em um time, geralmente, os líderes ou gerentes se encaixam muito bem no perfil visionário. São eles que se mantêm atentos para coordenar um projeto até o seu fim, visualizando o panorama geral e resolvendo os desafios que surgem no meio do trajeto. Sempre de forma inovadora e que sai do convencional.

Os líderes visionários também são importantíssimos na hora de ter uma visão do futuro, pensando em medidas que podem fazer a diferença para a sobrevivência e o sucesso da companhia a longo prazo.

A habilidade de olhar para o todo e estar pronto para se adaptar conforme as necessidades, por meio de ideias inovadoras, faz com que eles sejam excelentes para se ter em um time. Por isso, é importante que todos os superiores se lembrem disso!  

4. Criativa 

Diferentemente do que muitos imaginam, os profissionais criativos não ocupam apenas algumas funções no departamento de arte, redação ou design. Eles podem somar inúmeros benefícios quando atuantes em outros nichos – incluindo a equipe de marketing, vendas e até de contabilidade.

Quando as personalidades dos membros da equipe incluem um indivíduo criativo, as barreiras são quebradas de forma inovadora e muitas soluções originais podem ser geradas para a resolução de problemas.

Obviamente, não espere que um criativo seja exímio em funções envolvendo a comunicação ou o senso analítico. Mas a diversidade de tipos de personalidade é o que trará tantos pontos positivos para o seu time. A tendência é que este tipo de colaborador traga novas abordagens que poderão destacar a companhia em meio à concorrência. O que vale muito a pena!

5. Trabalhadora

“Fazer o que precisa ser feito” é o perfil típico de quem tem personalidade trabalhadora. Os trabalhadores se dedicam ao máximo para que os projetos tenham os seus objetivos alcançados e sejam concluídos no prazo – o que pode ser um pouco complexo para o indivíduo extremamente criativo, por exemplo.

Por mais que os trabalhadores sejam exímios na arte de gerenciar o seu próprio tempo, talvez eles precisem ter as metas bem definidas por um terceiro, funcionando através da coordenação.

O lado bom de tais indivíduos é que, além de cumprirem com o estabelecido, é muito raro que eles tenham problemas de relacionamento com outros membros da equipe. O que facilita (e muito) o ato de lidar com diferentes personalidades no gerenciamento de equipe.

Para desfrutar dos seus pontos positivos, repasse informações claras e os ajude a organizar o seu workflow a partir da orientação necessária. Trabalhar com uma plataforma de gerenciamento de projetos será de grande ajuda para atingir ótimos feitos.  

6. Pesquisadora

Em meio às personalidades dos membros da equipe, nos deparamos com a pessoa pesquisadora. Ela está sempre questionando e buscando soluções para as suas próprias perguntas.

Em paralelo, o pesquisador vai, constantemente, em busca de fontes e informações para resolver as dúvidas da equipe. Isso pode ir desde a busca de dados para avaliar a viabilidade de um projeto, a procura por caminhos mais rápidos e com o menor uso de recursos, ou até o pensamento sobre assuntos que foram negligenciados e podem comprometer o andamento de trabalhos futuros.

Portanto, sempre que possível, tenha um(a) profissional com o perfil pesquisador (como um(a) verdadeiro(a) detetive e analista) em meio ao seu time. Para ter melhores resultados, ainda, indica-se que os pesquisadores atuem em conjunto com os criativos e os visionários para encontrar caminhos e métodos novos e mais eficazes.

7. Planejadora

O ato de organizar processos e operar a partir da ordem é prioridade para os indivíduos planejadores. Quem é planejador nato tem a tendência de se automotivar e leva muito a sério os prazos estipulados.

Além de visar cumprir com o que foi delegado para si, tal perfil de personalidade costuma buscar estratégias capazes de melhorar o desempenho ou os processos dentro da sua própria equipe. O que, em conjunto, é extremamente positivo!  

As ferramentas que instigam a organização e a produtividade são as suas grandes aliadas. Por isso, forneça recursos para que eles atuem com motivação e sintonia e deem o seu melhor para o projeto a partir de calendários, listas, relatórios e gráficos.

Explorar os recursos oferecidos pela interface do Bitrix24, por exemplo, pode trazer grandes oportunidades neste sentido. Pois, este software oferece o ambiente ideal para coordenar tarefas, projetos e manter todos os perfis de personalidade plenamente comunicados e sintonizados com os objetivos do time. Reservem um tempo para desbravar!

8. Líder 

Ao estabelecer a equipe para cuidar de um projeto ou de certo departamento, o gerente deve trabalhar com um colaborador que tenha a personalidade de líder. Este profissional será o responsável por mentorar, mediar conflitos, inspirar, facilitar a comunicação e manter todos os integrantes a caminho de um rumo em comum.

É claro que nem todos os profissionais têm o conjunto de qualidades ideais para a liderança. É por conta disso que o gestor deve ter o cuidado de selecionar o colaborador ideal – e não pensar apenas naquele que está disponível.

Os candidatos interessantes para o papel de líder incluirão:

· Indivíduos com visão ampla;

· Capacidade de motivar o próximo;

· Alto poder de comunicação;

· Facilidade de delegar tarefas;

· Comprometimento e responsabilidade.

Portanto, ao compor a sua força de trabalho, não deixe o perfil de liderança passar despercebido.

Como saber mais sobre a personalidade dos membros da sua equipe? 

Existem várias maneiras de compreender melhor os perfis de personalidade dos seus colaboradores.

Pode ser interessante, por exemplo:

  • Aplicar testes comportamentais;

  • Trabalhar com entrevistas e análises comportamentais (como STAR e DISC);

  • E, ainda, observar as atitudes cotidianas dos membros do seu time.

Pensar sobre os perfis de personalidade é uma ótima oportunidade para que o gestor avalie as individualidades e melhore a maneira com que todos trabalham em conjunto. 

Conclusão 

Para que se trabalhe com diferentes tipos de personalidade, não basta apenas sair em busca de profissionais com perfis distintos. Isso porque, depois que eles estiverem em sua equipe, é preciso delegar tarefas que correspondam às suas preferências e propensões e até otimizar a sua forma de comunicação.

Tal atitude permitirá que o líder ou gestor possa ter maior sucesso no gerenciamento de equipe, explorando o melhor que cada perfil tem para proporcionar. Ter estes conceitos em mente é o que ajudará na organização para que se possa atingir um elevado patamar. Lembre-se!


Mais do que um sistema de gestão de projetos, um pacote de trabalho on-line completo

Uma única plataforma para administrar seus negócios 

EXPERIMENTE AGORA!



Free. Unlimited. Online.
O Bitrix24 é um local onde todos podem se comunicar, colaborar em tarefas e projetos, gerenciar clientes e fazer muito mais.
Cadastrar
Você pode gostar também
7 dicas para fornecer atendimento ao cliente em um chat on-line
7 dicas para evitar riscos de segurança no trabalho remoto
O que é retenção de clientes e por que é essencial?
6 métodos principais para aumentar a produtividade em sua empresa